Proteína de soro de leite – Aprender sobre os diferentes tipos de este poderoso suplemento

De volta para Blog

Proteína de soro de leite – Aprender sobre os diferentes tipos de este poderoso suplemento

Proteína de soro de leite são proteínas do soro do leite extraída durante o processo de fabricação do queijo. Estas proteínas têm a boa digestibilidade e absorção, e fornecer quantidades adequadas de aminoácidos essenciais que promovem a construção de massa muscular, e só podem ser obtidos através da dieta diária.

Por ser uma parte concentrado e puro leite, devem ser consumidos na quantidade e no momento adequado e de acordo com as necessidades de cada pessoa. Seguindo todas as instruções de uso, certamente tornará o corpo mais saudável.

Basicamente, há no mercado três tipos de proteína de soro de leite, que são distinguidas pelo processo de filtragem, que é, por seu método de extracção ou de isolamento da proteína. São eles:

Whey Protein Concentrado (WPC)

O processo de filtração: com até 89% de proteína, WPC é o resultado da filtragem o mais simples, o que não elimina a lactose e a gordura, e manter intacta a estrutura de moléculas de proteína. Desta forma, ele é o mais lento dentro do wheys, mas ainda sim, é o suplemento de absorção mais rápida no mercado.

Indicação: como uma conta com componentes que aceleram o anabolismo, ele é recomendado para atletas de alto nível, especialmente, dos culturistas. Atenção: alguns consumidores podem achar que é difícil de digerir, especialmente aqueles que são alérgicos à proteína do leite e lactose, como há em sua composição desses elementos.

Alguns dos benefícios, além do ganho de massa muscular: ajuda na prevenção do câncer, aumenta a imunidade, previne o aparecimento e o crescimento de tumores no cólon, diminui os riscos de doenças cardiovasculares e reduz o colesterol no sangue.

Whey Protein Isolado (WPI)

O processo de filtração: o método remove os resíduos, fazendo com que os hidratos de carbono chegar a zero. A concentração de proteína varia de 90% a 100%. O processo de filtragem que a Proteína de Whey é dividido em duas formas: microfiltração, na qual os filtros são usados menos; e o íon exchange (isopure), que é mais eficiente que atinge 100% de pureza.

Indicação: é recomendado para o pós-treino, pois estimula a regeneração muscular), para aqueles que têm intolerância à lactose (uma vez que é praticamente inseto que é o componente), e para aqueles que querem perder peso, pois ele é livre de hidratos de carbono).

Alguns dos benefícios, além do ganho de massa muscular: controla o apetite, favorece os processos de cura, fortalece os ossos, melhora a função imunológica e reduz a gordura corporal e abdominal.

Proteína de soro de leite Hidrolisado (WPH)

O processo de filtração: o hidrolisado é adquirido por meio de um filtro rigoroso e a partir da hidrólise enzimática, um processo que deixa as cadeias de proteínas menores. Isso faz com que a digestão e absorção mais rápida e eficiente do que os outros tipos. É conhecido como whey protein pré-digerido. O método de extração garante um concentrado de proteína de até 92%.

Indicação: pode ser usado não apenas por atletas ou por qualquer pessoa – o que muda é a proporção e as modalidades de consumo. É uma boa alternativa para pessoas que têm intolerância à lactose ou alergia às proteínas de origem animal.

Alguns dos benefícios, além do ganho de massa muscular: aumenta o sistema imunológico, reduz a fome e ajuda a combater doenças cardiovasculares.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

De volta para Blog