Como o ganho de força muscular

De volta para Blog
Como ganhar força muscular

Como o ganho de força muscular

Como ganhar massa muscularO corpo humano é o lar de mais de seis centenas de músculos. Cada um deles é responsável por movimentos externos (abaixar, levantar, sentar, rir, abraçar, comer, etc.) e interno (os movimentos do coração, o movimento do esqueleto, entre outros) de cada indivíduo. Para um movimento como o chão, ele é necessário para fazer o trabalho de cerca de 200 músculos.

Os exercícios físicos são de extrema importância para a manutenção da saúde muscular de cada pessoa. Durante os exercícios de força, especialmente a musculação ou outras atividades que exigem força, a musculatura é desenvolvido e melhorado para fins cosméticos (para quem precisa ou quer perder peso, é um praticante de musculação ou apenas deseja criar e definir os músculos), médicos (como uma melhoria nas funções do músculo-esquelético, disfunções posturais, restauração de pós fraturas ósseas ou lesões musculares, entre outros) ou desporto (de formação para a melhoria do desempenho de atletas e esportes).

Além dos exercícios, o uso de suplementação específica pode dar um gás na força muscular. Substâncias tais como a creatina e HMB são bastante usado por quem quer ter músculos de ferro. Mas para isso, é importante a escolha de marcas de boa procedência e que oferecem qualidade.

A Creatina Universal

Fabricado por uma das marcas mais respeitadas no mundo dos suplementos, o Creatna Universal é um dos grandes aliados de quem deseja aumentar a força dos tecidos musculares. Tanto ela quanto o HMB (ambos da Universal e de outras boas marcas) atuam impedindo o catabolismo (perda de massa magra do corpo e evitando a fadiga muscular, o que aumenta a energia e força.

No entanto, é importante ressaltar que tanto o HMB e Creatina só pode ser consumida por pessoas que treinam forte. Eles são específicos para atletas com um objetivo específico e que precisam de mais força e definição muscular.

E lembre-se sempre: só usar suplementos com a orientação de um nutricionista ou médico. Só eles podem avaliar como está sua saúde e se o uso de certas substâncias é seguro para o seu caso em particular.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

De volta para Blog